Notícias

Agora é uma boa altura para comprar casa em Portugal?

portugal realty,comprar casa,casas para venda,casas para comprar,casas a venda,casas venda,comprar apartamento,comprar casa imobiliaria,silver coast portugal,lisboa portugal,algarve portugal

Como em tudo na vida, não há respostas simples para perguntas complexas. Mas esta é realmente uma pergunta complexa? Só se estiver à espera de uma resposta de "sim" ou "não".
Quem tem estado atento ao mercado imobiliário português sabe que os preços estão de facto a subir, mas a procura também. Em última análise, decidir se esta é uma boa altura para comprar depende mais de "onde", "como" e "porquê" e não tanto de "quando"....
Veja as nossas dicas para garantir o melhor retorno para comprar propriedades em Portugal:


1. Ignorar a conversa de "bolhas" e verificar os factos

É inegável que em 2018 o mercado imobiliário em Portugal continuou a bater recordes. Em comparação com o ano anterior, o número de transações aumentou 16,6% e o volume de investimento cresceu 24,4% para um total de 24,1 mil milhões de euros (INE - Índice de Preços da Habitação IPHab).
Apesar da rápida subida dos preços das habitações, as estatísticas mostram que Portugal continua a ser um dos melhores países da Zona Euro para investir. Os maiores aumentos de preços verificaram-se no centro de Lisboa e no Porto, mas mesmo nestes dois locais os preços estão ainda muito abaixo das médias de outras cidades europeias.
Em comparação com outras propriedades com 120 m2 nas principais cidades europeias, Portugal ocupa o 26º lugar de um total de 38 lugares, mostrando que os preços são muito inferiores aos do resto da Europa Ocidental.
Antes de comprar, compare preços, veja várias localizações e não hesite em pedir outras alternativas dentro do seu orçamento. Vai ficar surpreendido com o número de bons negócios à espera de um comprador igual a si!

2. A localização é tudo

Se está a iniciar a procura de propriedades em Portugal e só está a pesquisar em Lisboa ou no Algarve, está mesmo a perder o panorama geral! Portugal pode ser pequeno em área, mas é definitivamente enorme em oportunidades de investimento e opções de propriedades.
O preço das casas em Portugal varia muito dependendo da localização. A nível nacional, no 3º trimestre de 2018, o preço médio de venda atingiu 984 euros por metro quadrado. Os preços são obviamente mais elevados perto da costa e em cidades de maior dimensão, mas também variam muito de Norte para Sul.
Como pode ver no mapa em baixo, as áreas metropolitanas de Lisboa e Porto continuam a registar os valores mais elevados, em grande parte por causa do aumento do turismo e do boom do alojamento local:

Preço médio por metro quadrado - Portugal, 2018

*Fonte: INE, 2019

Em 2018, Lisboa registou o maior preço médio de venda de casas, € 2.877 por metro quadrado, seguido de Cascais e Oeiras que ocupam a segunda e terceira posições. O preço médio de uma casa no Porto é de € 1.525.
Entre as áreas mais procuradas pelos estrangeiros, o Algarve continua a merecer elevados níveis de procura. Com um estilo de vida incrível, bom tempo e algumas das melhores praias da Europa, o preço médio de uma casa em Faro é de apenas € 1.352 por metro quadrado - um valor muito abaixo de áreas semelhantes na Europa.
Outro local cada vez mais popular para expatriados comprarem propriedades é na Costa de Prata, onde os preços médios variam de € 758 a €1,239 por metro quadrado.

3. Escolha a casa certa para si e para o seu estilo de vida

Por outro lado, tirar o máximo partido do seu investimento também depende do tipo de casa que escolher. Em alguns casos, pode ser mais rentável comprar uma casa nova. Dependendo da localização, o preço de uma construção nova em Portugal pode ser quase o mesmo ou até mais baixo em comparação com uma propriedade de revenda.
Por exemplo, um apartamento de dois quartos em Lisboa, semelhante a este imóvel, custará sempre mais de 500.000 euros. Um apartamento semelhante na Costa de Prata com piscina e vista para o mar custa quase metade.
O mesmo se aplica às moradias. No Algarve, uma casa nova de três quartos como esta propriedade em Albufeira pode custar meio milhão de euros, o mesmo que pagaria por um apartamento de um quarto no centro de Lisboa.
Numa altura em que os bancos estão, mais uma vez, a tornar-se mais disponíveis para empréstimos à habitação e as taxas de juro permanecem baixas, este também pode ser um bom momento para pedir financiamento se preferir investir numa propriedade maior ou com melhor localização.
O preço, tamanho e localização da sua casa dependerá das suas necessidades e estilo de vida. No entanto, com alguma pesquisa e uma visita a locais alternativos, uma casa de sonho em Portugal poderá estar ao seu alcance!

 

4. Faça as contas: provavelmente a sua casa de férias pode pagar-se a si mesma

Se está a considerar comprar uma casa em Portugal para investir no mercado de aluguer de casas de férias, aqui estão alguns números que podem convencê-lo a tomar a decisão:

  •  Portugal continua a bater recordes com 12,76 milhões de turistas em 2018;

  •  O preço médio do aluguer da casas é mais elevado do que nunca e em 2018 aumentou 37%.

Em alguns casos, alugar a sua propriedade por algumas semanas por ano irá garantir-lhe retorno suficiente para suportar os custos de gestão anual. Por outro lado, Portugal tem investido fortemente na dinamização do mercado de alojamento turístico, de forma a tornar o processo mais simples e seguro para os proprietários.
Faça as contas e saiba mais sobre como transformar a sua casa de férias num investimento a longo prazo. 
 

5. A burocracia existe, mas consultores especialistas terão todo o gosto em tratar do assunto

Com o rápido crescimento do mercado imobiliário, há também um aumento dos serviços de consultoria disponíveis que lhe permitirão poupar tempo e dinheiro. Comprar uma casa em Portugal hoje em dia é muito mais simples e rápido do que há alguns anos atrás!
Longe vão os dias em que precisava de passar horas a pesquisar o imóvel certo para as suas necessidades e todos os passos burocráticos para o comprar. Corretores de imóveis experientes não só irão procurar a propriedade certa como também irão fornecer um serviço profissional durante e após a venda. Desde contratos legais à ajuda com o financiamento, agências imobiliárias profissionais apoiam cada cliente individualmente a cada passo do processo. 
Se quiser saber mais sobre como comprar uma casa em Portugal, visite este link ou contacte uma das nossas empresas parceiras especializadas em direitos de propriedade e contabilidade. 
 

6. Residente ou não, qualquer pessoa pode comprar uma casa em Portugal 

Portugal criou vários programas de incentivos apelativos destinados a atrair investimento estrangeiro para fins imobiliários. Apesar do Brexit, é bom saber que qualquer pessoa pode comprar uma casa em Portugal independentemente de ter um visto de residência.
Os únicos documentos necessários para comprar uma casa em Portugal são um documento de identificação, como um passaporte, prova de residência e um número de identificação fiscal. 
Se o seu objectivo é viver em Portugal a tempo inteiro, o regime fiscal para residentes não habituais oferece:
  • uma taxa fixa de 20% para o imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS) por um período de 10 anos (aplicável aos rendimentos provenientes de atividades de elevado valor acrescentado de natureza científica, artística ou técnica);

  • bem como a não dupla tributação dos rendimentos de pensões ou dos rendimentos do trabalho por conta de outrem e por conta própria obtidos no estrangeiro. 

Por outro lado, o ARI - Autorização de Residência para Investimento (também designado por Golden Visa) abre aos investidores estrangeiros a possibilidade de solicitarem uma autorização de residência através de atividades de investimento, como a aquisição de imóveis de valor igual ou superior a 500 mil euros. 
 
Se acha que esta pode ser uma boa altura para comprar propriedades em Portugal, contacte-nos

 
Portugal Realty™ - Imóveis à venda em Portugal

 

Partilhar: